Quarta-feira, 4 de Março de 2009
Reciclagem Pessoal :Tem a certeza que pretende eliminar os cinco itens? - Sim

 

 

Como ninguém é perfeito ou então este é mais um daqueles conceitos relativos, a Sorriso proporcionou-me então mais uma óptima reflexão acerca das cinco características que gostaria de reciclar/mudar em mim.

 

Quando li a palavra cinco  pensei, bem ainda são algumas, mas depois do encéfalo arrancar e deixar de trabalhar a carvão e sim a gasóleo/gasolina, deparo-me com uma grande melancolia, um estado repentinamente depressivo e isto tudo porquê? Porque não são apenas cinco aspectos que gostaria de mudar mas um montão deles!

 

 

As cinco imperfeições:

 

  1. Gostaria de medir mais uns centímetros de altura (não sou assim muito rés-do-chão mas eram bem-vindos mais uns palminhos de gente - passava assim à vontade do meu singelo 1,62m para 1,70m);
  2. Gostaria de deixar crescer o meu cabelo de verdade e parar com a obsessão dos cortes de cabelo radicais e tal (estou a tentar);
  3. Gostava de, quando começo um tratamento, seja ele do que for, levá-lo até ao fim (não sei porquê quase que nunca os termino, ora fica uma ampola por colocar, ora fica uma pastilhazinha assim mais para o retardada, ora interrompo a dosagem e retomo-a passados quinze dias, um mês...enfim, não tenho emenda mesmo);
  4. Gostava de ser mais segura de mim mesma, adorava poder ser um pouquinho menos ansiosa; e
  5. Gostava de não deixar para amanhã o que posso fazer hoje (depende das coisas, nunca tive assim problemas com esta característica, mas depois penso que se preparasse tudo com mais tempo poderia estar melhor conseguido).

 Passo o desafio a quem quiser acatá-lo :)

 


Hoje sinto-me::
Palavras-Chave: , , , ,


Segunda-feira, 23 de Fevereiro de 2009
As Seis Características que me definem na perfeição!

 

 

E andamos todos felizes com os desafios propostos neste grande mundo da blogosfera:).São realmente propostas que nos deixam reflectir sobre a nossa envergadura, sobre a nossa "massa" física e moral, sobre as nossas fraquezas e virtudes, sobre o nosso EU!

 

Este "t.p.c". foi-me lançado pela Joana, que consiste em identificarmos as seis características que melhor nos definem;linkar o amigo blogueiro que nos desafiou; passar o desafio a outros seis e informá-los do mesmo, como das suas regras.

 

Os seis traços/características:

 

Amiga do Amigo (incondicionalmente);

 

Ansiosa/Insegura (por vezes a mania da perfeição leva-me a estados de ansiedade, sofro muito por antecipação; insegura porque depois de fazer alguma coisa, penso sempre que podia ter feito bastante melhor :/ );

 

Apaixonada pelo ser humano e tudo o que o envolve;

 

Consciente/Realista (gosto de traçar sempre objectivos possíveis e concretos);

 

Sociável (gosto de fazer sempre novas amizades, conquistar novos conhecimentos, aprender com as experiências dos outros, não sei nem quero saber o que significa a solidão...);

 

Utópica (apesar da dose de realismo e racionalismo que possuo, também tenho q.b. de sonhadora, acredito sempre que vale a pena fazer algo por uma causa que é dada pela esmagadora maioria como perdida, impossível...);

 

Os nomeados são:

 

Lusitana;

Sorriso;

Ninita;

Star;

Amora; e a

Menina da Esquina

 

 


Hoje sinto-me::
Palavras-Chave: , ,


Sexta-feira, 13 de Fevereiro de 2009
O que é o Amor?

 

 

 

Eis-me aqui, perante mais um desafio desta vez proposto por duas amigas, a Ninita e a Sorriso, para tentar definir/decifrar/explicitar o que é o fenómeno do Amor! Tarefa árdua e difícil é, sem dúvida alguma, ainda p'ra mais quando se trata de um desafio.

 

O Amor não possui nenhuma nomenclatura específica, concreta, universal; é um conceito ambíguo, relativo/subjectivo, porque é vivido de pessoa para pessoa de forma completamente distinta, dependendo também de cultura para cultura, como também de outros factores, como a educação, os modelos disponíveis que servem de exemplo a seguir, das experiências de vida e suas consequências, entre outros mais. O que sabemos e garantimos é que todas as raças e culturas vivem um Amor, de uma maneira ou de outra, são felizes e infelizes graças a um determinado Amor - este amor não quer dizer que seja o Amor entre duas pessoas de sexos diferentes, não, amor entre pais, irmãos, amigos, entre dois elementos do mesmo sexo, amor entre profissional e profissão, e até mesmo entre dono e animal de estimação, enfim uma infinidade actores... Creio que podemos afirmar que o Amor é como a água para a vida, é como o pão para a boca, sem ele somos uma folha em branco...

 

Passando ao que interessa ou seja, ao desafio em si, este consiste então em escrever uma possível definição do Amor; passar o desafio a dez blogs; comentar nos blogs que desafiamos e mencionar estas regras.

 

"Definição" do Amor

 

"O Amor é o milagre da civilização" (Stendhal)

 

"Amar é descobrirmos a nossa riqueza fora de nós" (Alain)

 

"Somos tão responsáveis por amar sempre como o somos por nunca amar" (Jean De La Bruyère)

 

"Amar não é olhar um para o outro, é olhar juntos na mesma direcção" (Antoine De Saint -Exupérry)

 

" A certeza de ser amado dá robustez a um espírito tímido, tornando-o natural" (André Maurois)

 

Estas são algumas das citações referentes ao Amor que considero bastante!

 

Para mim Amor acontece sempre que estou, sempre que falo, sempre que rio, sempre que  choro, sempre que como, sempre que leio, sempre que vejo, sempre que caminho, sempre que nado, sempre que durmo, sempre que seja para sempre com as pessoas que Amo;

 

Há e sinto Amor quando dou de mim sem pensar em receber;

Há e sinto Amor quando sou empática, genuína e incondicional para com tudo e para com todos;

Há e sinto Amor quando partilho o que mais Amo com aqueles que Amo;

Há e sinto Amor quando perdoo e sou perdoada;

Há e sinto Amor quando dou e me retribuem uma oportunidade, de explicar, de aprender, de provar, de saborear, de ...

Há e sinto Amor quando sei que Hoje Amo de verdade e Amanhã Amarei ainda mais;

Há e sinto Amor quando me esforço para aperfeiçoar o meu acto de Amar.

 

A medida do Amor é Amar sem medida!

 

Passo o testemunho aos seguintes:

 

a menina da esquina;

a minha dor tem o teu nome;

azul do céu;

joana;

star;

morgen;

ilusão de óptica;

Nhanha;

Bia; e por fim

Lusitana.

 

Um Bom Amor vos desejo :)

 

Inté :D


Hoje sinto-me:: Melhorou :)


Segunda-feira, 26 de Janeiro de 2009
Quem nunca pecou que atire a primeira pedra :)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

E para começar bem a semana, fui desafiada pela pingo de mel para me "rastrear" a partir dos pecados capitais!!

 

Então aqui vou eu

 

1. Gula - Meu Deus, boa escolha para começar; é daquelas coisas, a comida, a quem eu não resisto, adoro a parrilhada que tenho por hábito comer ao almoço de domingo, o pratinho de vitela também e outros mais. Mas o que me deixa mesmo de rastos é a comida rápida, não tenho hipótese, resisto muito pouco mesmo, sandes, hamburgueres pizzas, vai tudo :( mas isto é mais ao fim-de-semana tipo compensações para uma semana árdua e tal (desculpas e mais argumentos). Deste pecado não me safo. É como diz o ditado "perdoai o mal que faz pelo bem que sabe".

 

2. Avareza - Bem, não sou muito avarenta nem egoísta, neste momento recordo-me que quando era pequenininha ;) deixava que brincassem com as minhas coisinhas mas sempre com os infindáveis pré-avisos "vê lá não me estragues"! Ok, um ou outro brinquedo nem o partilhava, nem o mostrava aos amigos se quer! Actualmente não, o clã é todo maduro, não me pedem assim coisas para brincar ahah! Fora de brincadeiras, há coisas que preservo ainda, que sou incapaz de emprestar, mas a quem merece dou tudo mesmo, sem olhar para trás!

 

3. Inveja - Não sou invejosa! Quem tem aquilo que eu quero é porque merece e fez por isso (lol, confesso que muitas vezes determinadas pessoas têm e não o mereciam, mas a vida é mesmo assim, ou então do ponto de vista destas sim fizeram muito para o merecerem , daí todos diferentes, todos iguais). De uma forma geral, e restrita eheh, não sou e ponto final. Cada qual cose-se com as linhas que tem.

 

4. Ira - Será que os meus graus, por vezes exagerados, de impulsividade contam ou podem ser aqui encaixados? É assim , há determinadas coisas que me tiram do sério e me "enchem o saco" mas quanto a isso já adquiri bastante auto-controlo, já penso muiiiiiiito mais, e como diz um dos meus melhores amigos "tu agora tás uma mulher, tás mais calma, nem pareces a mesma, para quem era um furacão", por isso ira, sem bem dar-lhe a volta!

 

5. Soberba/Orgulho - Ai este aqui, ui já fui muiiiiito orgulhosa, mas tal como em relação à ira as coisas foram quase dos 80 para o 8, no orgulho também, não me considero nem um bocadinho, nem uma pitadinha orgulhosa. Quando erro, volto atrás e admito o meu erro, não me ficando só pelo admitir, luto muito até o reparar, a todos os níveis pois pode ter afectado não só a mim e a segundos mas também a terceiros... aqui o modelo minnesota dos 12 passos ficava-me bem lololololol!

 

6. Luxúria - Não seria por este de certeza que seria a pessoa mais pecadora, não mesmo, gosto de algumas coisas, creio que como toda a gente, mas os meus principios são de bom calibre, agradeço isto aos meus papás, sou uma pessoa muiiiiiiiiito simples mesmo, dou preferência a uma tasca de que um óptimo restaurante, nada melhor para calçar que umas sapatilhas já bem moldadas aos meus pezitos do que um sapatinho todo xpto e que com eles só temos o pensamento de chegar a casa e massajar os "caminheiros"!Não sou de luxos nem de requintes, para se saber bem viver e para se ter uma boa qualidade de vida não é implicativo o luxo, na minha opinião!

 

7. Preguiça - Creio que não sou muito preguiçosa, o que tem de ser feito tem e então "não deixes para amanhã o que podes fazer hoje"... mas há dias em que o que prevalece é " mais vale tarde do que nunca"... mas não, não me considero preguiçosa, há momentos de hiperactividade e só me sinto "pessoa" verdadeiramente se andar assim a 1000/h, mas também tenho e prezo os momentos de relax, e quem não? Não sou de ferro!

 

Acho que cheguei ao fim!

 

O diagnóstico é muito mau?

 

Creio que não!

 

E quem é perfeito? ... A perfeição é um conceito relativo, pelo menos para mim é, e ainda bem que sim, porque se não o fosse não amavamos loucamente! E eu amo muito as pessoas que fazem parte de mim!

 

Obrigado Pingo de Mel por este momento doce de reflexão, é sempre bom parármos para pensar!

 

Transponho este desafio aos seguintes:

 

ameninadaesquina;

azuldoceu;

Nhanha; e à

menina_sonhadora.

 

Beijaças a todos :)

 

 

 

 


Hoje sinto-me::


A Mel e o seu Mel
Ideias que desabrocham

Um Desafio em forma de um...

OLÁ VIZINHOS :)

O Acto de Confiar

A Página 161

Reciclagem Pessoal :Tem a...

As Seis Características q...

O que é o Amor?

Quem nunca pecou que atir...

A Minha Doce Gaveta

Janeiro 2011

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Janeiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

31


Palavras-Chave

todas as tags

Doce Pesquisa!
 
blogs SAPO
subscrever feeds